Não quero falar de detox, resoluções da treta para 2015, que está frio, ou o best of de 2014.

 

 

Imagem da câmara da Marianna Yakobson

 

 

Olá a todos, espero que o vosso Natal tenha sido do melhor, e já agora, desculpem esta ausência das ultimas semanas.

 Dizem que quando gostamos muito é sempre possível arranjar mais tempo. Pois eu tenho muita dificuldade em acreditar e, confesso, que considero ainda mais complicado acrescentar umas horas aos meus dias, mesmo subtraindo o que já subtraio ao descanso (já por si tão curto).

Havia tanto para vos contar e imagens para partilhar, mas quando me sentei hoje ao computador e com a influência de um ano novo, que inaugura dentro de poucas horas, só me apeteceu agradecer a vossa companhia.

Não quero falar de detox, resoluções da treta para 2015, que está frio, ou o best of de 2014.

O blog não tem (ainda) todas as ferramentas para vos oferecer posts diários, porque ele vive de mim. Dos meus momentos, das alegrias e desilusões, das imagens que influenciam os meus dias. Inspirações que também têm os seus momentos mais e menos intensos.

Eu e a minha mania, ou feitio, de dar sangue e coração a tudo.

O sucesso do UP Blog não se deve a mim, mas a vocês que estão do outro lado dos ecrãs e que de alguma forma já não me são totalmente desconhecidos. Nem eu para vós.

Obrigada do coração e aproveitem da melhor forma todos os momentos, tentem que eles não se movam, exclusivamente, pelo rótulo do tempo e guardem-nos para sempre com amor e carinho. Que os vossos desejos se concretizem a qualquer altura dos anos que temos pela frente, seguros que mais mágico ainda é o caminho até eles.

Raquel

 

 

 

 

 

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.