PERFIL | Freja Beha

Freja Beha Erichsen
31 anos
Modelo
Dinamarquesa

Esta danish girl é um marco. Diferente e um dos primeiros símbolos da crescente adoração por mulheres com traços menos delicados. É doce e intensa, dura mas gentil, e restantes antíteses possíveis.

Já foi cara da Chanel, Louis Vuitton, Valentino e já deu o seu nome a uma carteira Jill Stuart, a uma clutch Chloé e a uns sapatos Alexander Wang.

Freja Beha Erichsen

E é essa mesma cara, forte, no entanto feminina, que dá um novo significado ao seu lado andrógeno, com inspirações em Patti Smith. À semelhança deste ícone, Freja recria looks propositadamente descuidados, com camisas largas descontraídas e skinny jeans. O cabelo? Tem vida própria. O seu corte, alvo de cópias por todo o mundo, tem tanto de selvagem como de certo.

 

Filha de dois advogados, Freja nasceu no dia 18 de outubro em 1987 em Roskilde, na Dinamarca. Descreve-se como uma Tomboy e foi quando tinha 17 anos que um agente de modelos a descobriu, ao passar por ela de táxi. Em 2004 já estava agenciada com a IMG, e em 2005 a abrir o desfile da Miu Mil. Fá-cil!

 

Her body is a wonderland e está coberto de tatuagens. A palavra “float” no seu pescoço, “serendipity is life” e “redemption”no seu braço são alguns exemplos.

À parte da moda, Freja é uma talentosa música que toca bateria, piano e guitarra. É amante de rock and roll e blues e é apaixonada por Rolling Stones e Led Zeppelin. E que bom ser assim!

Freja Beha Erichsen

 

Considerada uma musa do rock, partilha os seus segredos para uma beleza effortless, onde afirma que mantém o seu regime bastante simples. Aposta num creme hidratante adequado ao seu tipo de pele e um encaracolador de pestanas. Mal usa maquilhagem na cara e prefere a sua maquilhagem de olhos “overnight”.

Ai está. Menos é mais? Neste caso, é imenso.

Freja Beha Erichsen

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.